30/04/2019 às 14:44

Isenção de vistos já reflete no número de reservas no Brasil

O interesse de visitantes estrangeiros pelo Brasil aumentou consideravelmente após isenção de vistos para Estados Unidos, Japão, Austrália e Canadá, segundo dados divulgados pelo Grupo Amadeus, uma das maiores empresas de tecnologia e viagens do mundo. A alta expressiva no número de reservas para destinos brasileiros ocorre justamente entre cidadãos dos quatro países beneficiados pelo anúncio da isenção de visto, assinada em 18 de março pelo governo federal. Só nos Estados Unidos, foi registrado um crescimento de 53% nas reservas para junho na comparação com 2018, enquanto para julho alcançou 97%.

Já no Canadá, o crescimento foi de 86% para junho, 54% para julho e expressivos 135% para agosto deste ano. Para as reservas já realizadas pelo Japão, o crescimento em junho deste ano será de 150% em relação ao mesmo mês em 2018. A alta segue nos meses seguintes, com 60% em agosto e 158% em setembro. Na Austrália, o crescimento foi de 86% em junho, 54% em julho e 135% em agosto.

Os dados mostram ainda que as pesquisas dos Estados Unidos pelo Brasil como destino turístico aumentaram 31% por dia. Em abril, o crescimento foi de 76% e, em março, de 58%, sempre relativos aos mesmos períodos em 2018. No Canadá e na Austrália, as pesquisas, em abril, cresceram 37% e 36%, respectivamente, e no mês de março, 44% e 53%, respectivamente.

Demanda antiga da cadeia produtiva do turismo, a medida de facilitação de entrada no país, que contempla quatro países considerados estratégicos para o turismo no Brasil, pretende ampliar o número de visitantes estrangeiros, gerando divisas e criando empregos no país. A expectativa é de que a medida permita ao Brasil atingir a marca anual de 12 milhões de visitantes estrangeiros até 2022, meta prevista no Plano Nacional de Turismo 2018-2022.